View Cart "música de câmara 8 | João-Heitor Rigaud | Sonata Heróica, op. 5" was successfully added to your cart.

João-Heitor Rigaud, natural da Rua do Rosário, 160, Porto, filho de José João Dias Mateus Rigaud Rodrigues de Sousa e de Maria Adelina Fernandes Caravana Rigaud de Sousa, nasceu em 21 de Maio de 1956. Durante a infância e adolescência, enquanto aluno, quer da Escola Primária, quer do Liceu, estudou sempre música, e foi o primeiro aluno matriculado no Conservatório de Braga, que frequentou regularmente até 1973. Neste Conservatório, e, mais tarde, particularmente, estudou piano, até 1967, com sua mãe, e violino, de 1967 a 1978, com Alberto Gaio Lima, e flauta, de 1970 a 1977, com Maurício Noites. Entre 1973 e 1980, na Academia Parnaso, no Porto, estudou Harmonia, Contraponto, Orquestração e Composição Musical com Fernando Corrêa de Oliveira.

Em Setembro de 1980 apresentou-se às provas de acesso à Divisão Superior do Conservatório de Música de Genebra, hoje designada Haute École de Musique de Genève e parte integrante da Haute École Spécialisée de Suisse Occidentale, instituição de ensino superior universitário da Confederação Helvética. Foi admitido, com dispensa da frequência das disciplinas em que foi julgado já possuidor da necessária aptidão, e concluiu os estudos no prazo mínimo permitido, três anos lectivos, completando o nível mais elevado, Virtuosidade, com a obtenção do primeiro Prémio por deliberação unânime do júri.

Em 21 de Abril de 2005, o Conselho Científico da Faculdade de Letras da Universidade do Porto aceitou a candidatura a Doutoramento, com o projecto de investigação histórico-musicológica intitulado ‘João Arroyo (1861-1930) – O Homem e a Obra: Dimensão Cívica e Atividade Musical’, orientado pela Professora Doutora Maria da Conceição Coelho de Meireles Pereira, que foi submetido a provas públicas em 16 de Maio de 2012 e aprovado com Distinção por unanimidade. Foi homenageado pela Universidade do Porto em 3 de Outubro de 2012.

Têm sido aceites convites para prestação de apoio, a diversos títulos, a teses de Mestrado e Doutoramento a decorrer em numerosas Universidades.

A edição da obra musical foi entregue às Edições MPMP e, segundo relatório da respectiva sociedade de gestão dos direitos de autor, as apresentações públicas têm decorrido por todo o Mundo, com especial destaque para os E. U. A,, registando-se, também, numerosas gravações fonográficas e radiofónicas.