Aires Fernandes (1590~1600) é um compositor de quem muito pouco se sabe. Algumas hipóteses apontam para que tenha desenvolvido actividade musical em Coimbra, possivelmente na Catedral, por volta de 1590 a 1600. A maioria das obras de Fernandes que sobreviveram até à actualidade encontram-se em livros de coro que pertenceram ao Mosteiro de Santa Cruz de Coimbra, actualmente conservados na Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra. Outras obras encontram-se ainda dispersas em fontes conservadas na Biblioteca Municipal do Porto, Museu de Arte Sacra de Arouca, Biblioteca do Paço Ducal de Vila Viçosa e no Arquivo Distrital de Évora. São sobretudo motetes, como é o caso de Alma Redemptoris Mater e Circumdederunt me, versos de hinos (como Te lucis ante terminum ou Nunc dimittis) e outras obras de pequena dimensão onde se incluem as duas versões do Benedicamus Domino e Jesu Redemptor editadas pelo MPMP.

Luís Henriques